Sexta-feira, 30 de Junho de 2006
Mais uma pérola sobre o jogo do passado domingo
00 m - Valentin Ivanov, o árbitro, mostra cartão amarelo ao bandeirinha por este não ter uma moeda de 2 € para a escolha de campo.

01 m - Os jogadores Holandeses entram em campo e recebem folhetos de Van Basten com o número e fotografia de Cristiano Ronaldo.

02 m - O árbitro mostra cartão amarelo ao segundo bandeirinha por este ter assinalado um fora de jogo.

05 m - C. Ronaldo, estupidamente, toca na bola e 11 jogadores da Holanda em campo e 7 que estavam no banco correm furiosamente em direcção a ele.

06 m - Entra a Maca;
07 m - Cartão amarelo pro gajo da maca;
12 m - Scolari pede a C. Ronaldo para aguentar e tentar jogar só com uma perna;
15 m - Van Basten percebe a táctica de Scolari e entrega um bilhete com a fotografia da outra perna de Ronaldo a Bhoulrarouhz;
20 m - Maniche ajeita a fita do cabelo e leva amarelo.
23 m - Pauleta tenta fatiar o queijo mas engana-se e passa a Maniche que marca... GOLLOOOOOOOOOOO!!!
23 m - Maniche festeja sozinho;
25-35 m – Vários cartões amarelos incluindo um para o 4º Árbitro;
40 m - Nuno Valente mostra que ainda está em campo e perde uma bola na defesa;

41 m – Fernando Meira segue o exemplo;

42 m - Costinha tem um AVC e é expulso;
45m - Intervalo.
46m - Entra a menina de bikini com a placa "2º Round"
50m - Petit sente-se desprezado e leva amarelo...
55m - Paulinho Santos e João Pinto tentam entrar no estádio com navalhas de ponta e mola.

58m- O árbitro expulsa um holandês para equilibrar a partida.
62m - Figo leva uma chapada. Entra a maca.

63m – Figo dá uma cabeçada... Leva amarelo.

63m- Segundo amarelo pro tipo da maca por assistir Figo, e é expulso.

68m- Os Holandeses, num acto de desportivismo, correm com a bola para a tentarem entregar pessoalmente a Ricardo, após incentivados por Van Basten que lhes grita que devem entregar a bola aos Portugueses.

68m- Deco não percebe o acto de fair play dos holandeses e varre o adversário que cordialmente tentava entregar a bola a Ricardo. Leva cartão amarelo.
70m- Paulinho Santos e João Pinto percebem que estão na presença um do outro.

72m- Deco tenta compensar o seu acto e tenta devolver a bola em mão aos holandeses, é empurrado.

72m- O árbitro vê o empurrão e expulsa Deco.
78m- Scolari vai ao saco e beija insistemente N/ Senhora do Caravaggio, de Fátima, dos Prazeres, das Dores, Dos Jogos contra os Holandeses.

80m- O árbitro expulsa um holandês para equilibrar a partida.
90m- João Pinto atira-se para o chão e Paulinho Santos diz que não foi ele.

90m – O árbitro dá mais 6 minutos de desconto e mais 6 amarelos para quem ainda não tinha nenhum cartão.
96m - Acaba o jogo.
97m - Paulinho Santos é expulso por Valentin Ivanov e dá uma cotovelada neste.
publicado por Nocas às 12:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Mesmo na tragédia ele contra-ataca
Confesso, já tinha saudades...

Durante esta semana mais um individuo sem qualquer originalidade para escolher o sítio para acabar com a sua vida, resolveu escolher a Ponte 25 de Abril para cometer o trágico acto.

Escusado será dizer a tentativa de suicídio atrapalhou de tal forma o trânsito que muitos automobilistas teriam de bom grado morto o senhor com as próprias mãos.

Tudo isto para mencionar que Duarte Vazquez em tom sério e perturbado afirmou veementemente que:

- Sabias no outro dia houve um ATENTADO SUÍCIDA na Ponte...

Como é que ela ainda está de pé ?
publicado por Nocas às 11:05
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 29 de Junho de 2006
Dia longo
Duas horas à espera para fazer a inspecção ao meu fantástico bólide... que seca !!

Acordei com as galinhas e já estava no trabalho às 8 horas da manhã...
Depois do trabalho tive que aguentar as duas horas secantes, nem um livro tinha para me entreter... Adormecer no carro também estava fora de questão, ainda me chamavam e eu não dava conta...

Enfim, um dia longo que não terminou por aqui... Deu-me a estrica e toda de pintar o cabelo que já bem precisava...
Talvez a única desvantagem da praia é o estrago que me faz ao cabelo.

E depois, depois a minha triste existência resumiu-se a ver tudo o que havia para ver na TV portuguesa (o que não traz felicidade a ninguém), a única excepção foi a estreia da nova série do 24 horas.

Quando finalmente resolvi ir dormir... O João Pestana recusou-se a chegar... Qual fantasma a passear-se às 2h30m da manhã por casa...

Conclusão: TOU CHEIA DE SONO
publicado por Nocas às 10:09
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 28 de Junho de 2006
...

É assim que o meu colega Grossmann me define...

TOU TÃO TRISTE :(
publicado por Nocas às 11:35
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Mais um casório que se avizinha
Estava a pensar no que escrever...

Bem posso sempre dizer que mais um casamento se aproxima a largos passos, desta feita em Santarém com direito a boda cigana (parece que começa no sábado e só acaba no domingo).

Vai ser uma festança daquelas... a maltinha toda junta no mesmo hotel, coitados dos senhores... O hotel até tem pintarola...


Aos noivos resta-me desejar que os preparativos corram bem e que no sábado estamos lá todos para vos acompanhar (se bem que alguns estejam também concentrados em saber se Portugal vence a Inglaterra).

Para o Cercas e para a Méxi - MUITAS FELICIDADES...
publicado por Nocas às 08:40
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 27 de Junho de 2006
Tu Tu Tu
A minha vizinha contra-atacou ontem à noite...

As coisas vão agrestes pelo 4º andar a julgar pela discussão que ontem houve por volta da 1 da manhã...

Eu realmente não tenho sorte nenhuma, até me deitei cedo para recuperar do fim-de-semana, mas não consegui dormir.

Não sei o que foi desta vez, mas ia jurar que a senhora estava a imitar um comboio:

TU ! TU ! TU ! TU ! ÉS UM IRRESPONSÁVEL...

Enfim, vamos ver se é desta que consigo recuperar as horas de sono...

:)
publicado por Nocas às 10:25
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Não resisti a publicar isto
COM FRANQUEZA
O festival de teatro já cá canta
MIGUEL ESTEVES CARDOSO

Até aqui Portugal ainda não tinha jogado no belo estilo CTT (Confusão, Traulitada e Teimosia) em que é campeão mundial. É uma arma secreta e convém não abusar dela.
Mas a Holanda, coadjuvada por um árbitro tempestuosamente desequilibrado que parecia fugido das páginas de Dostoievski, provocou os mestres e recebeu a lição que mereceu.

A rapaziada holandesa, como tinha faltado às aulas de futebol, tentou compensar a falta de habilidade com os movimentos aprendidos nas aulas de mergulho. Bastava tirarem-lhes a bola para eles atirarem-se acrobaticamente como se de uma prancha olímpica. Infelizmente o pobre árbitro, um personagem torturado que se convenceu estar a assistir a uma recriação do inferno, deixou-se convencer por três ou sete mergulhos e prejudicou os portugueses.

Estes, obviamente, sentiram-se insultados porque os mergulhos dos holandeses eram de um amadorismo ridículo, faltando-se a verosimilhança do verdadeiro profissional de futebol, obrigatoriamente latino, que sabe o que é o teatro e fazê-lo como deve ser. E, de facto, aquilo não podia ficar assim.

Quando os holandeses, estimulados pela reacção aflita do pobre árbitro, decidiram reforçar o programa de fitas com um pequeno festival de porrada, o capitão Figo viu-se obrigado a decretar oficialmente o estilo CTT. A partir dali, embora a equipa portuguesa sofresse peripécia atrás de peripécia, o resultado final nunca esteve em causa. Porque atrás dos CTT havia uma equipa que sabe jogar futebol (o facto de nem sempre o fazer é irrelevante). Em contrapartida, os CTT dos holandeses eram a única coisa que sabiam fazer – e mal.

Esta vitória foi por isso dupla ou triplamente merecida e é neste contexto fandangueiro que se devem entender gestos aparentemente espúrios como a mão de Costinha ou a cabeçada do magnífico Figo. A violência e a batota da Holanda foram chocantes e inesperadas. Transformaram o jogo numa ópera bufa. Os portugueses simplesmente aceitaram as alterações e mostraram que não só jogavam melhor futebol como tinham mais jeitinho para essas altas cavalarias cómico-histriónicas.

Há vitórias que sabem melhor do que outras. Esta soube muito bem, muito obrigados. Um bocadinho a pato e tudo!

A coisa promete. E pode ser que depois de vencermos os ingleses venham os desafios realmente emocionantes!
publicado por Nocas às 10:11
link do post | comentar | favorito
.que mau feitio
.pesquisar
 
.Julho 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.pensamentos recentes

. ...

. Vou ter de mudar mais uma...

. Prima da Lagosta

. ...

. Chuva

. 12 anos depois

. Eu vou para lá...

. E onde estavas tu no 25 d...

. Parabéns

. Tarde de saúde

.coisas cheias de pó

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.tags

. todas as tags

.links
.Visitantes
blogs SAPO
.subscrever feeds